Na reunião participaram um grupo de cerca de duas dezenas de empresas e instituições que integram o Grupo de Ação Local de Guimarães.

 

A reunião teve como objetivos identificar as principais dificuldades que as instituições de solidariedade e as empresas enfrentam no seu relacionamento. Pretende-se desenvolver as ferramentas que permitam melhorar a comunicação entre empresas e instituições sociais. Estabelecendo pontes e otimizando recursos promovendo os conceitos de ajuda e solidariedade na comunidade vimaranense.

 

O objetivo passa pelo desenvolvimento de uma infraestrutura tecnológica colaborativa, que permitirá a articulação entre empresas e organizações de solidariedade social, cultural e desportivas. Como objetivo final o município pretende reforçar a capacidade de apoio social através de melhoria das políticas públicas locais e a elaboração de uma estratégia local ancorada no tecido empresarial para a promoção e dinamização de ações de Responsabilidade Social Corporativa.

 

O URBACT é um programa europeu de aprendizagem e troca de experiências, na promoção e desenvolvimento de soluções para problema e desafio que se colocam nas áreas urbanas, no qual participam as cidades de Guimarães (Portugal), Milão (Itália), Nantes (França), Bratislava (Eslováquia), Sofia (Bulgária), Budaors (Hungria), Molina de Segura (Espanha), Bratsa (Bulgária), Kekava (Letónia) e Rijeka (Croácia).